Entrevista para revista “IZE”: WINNER expõe seus sentimentos em entrevista individual.


minoize

Entrevista de Mino:

Q: Já faz mais de um mês desde que o álbum saiu, mas ‘Empty’ e ‘Color Ring’ ainda estão indo bem nas paradas de música. Você deve estar agradecido por esse resultado, especialmente porque você canta a introdução, que dá o molde da canção.

Mino: Sei que a introdução é muito importante, mas não fui pressionado por ela. Taehyun disse que minha voz ajudou a definir o humor e no foco da música. Sempre que eu ouço esses comentários, eu me sinto orgulhoso de mim mesmo.

Q: A sua voz é bem conhecida como vocalista, mesmo que você seja um rapper.

Mino: Eu costumava fazer, intencionalmente, a minha voz mais alta. Eu costumava fazer rap em um tom alto, mesmo ao gritar, ou fazia minha voz soar como se eu estivesse mastigando pedras, de propósito. Eu acho que a minha voz atual é afetada por esses dias. No entanto, eu percebi o quanto o melhor som sai se eu fazer rap confortavelmente. Músicos famosos do exterior, como Jay-Z, cantam com a voz confortável. Então eu percebi que é melhor para mim fazer rap do jeito que eu me sinta mais confortável.

Q: O seu solo ‘I’m Him’ foi incluído no álbum de estréia e um MV também saiu. Seu estilo era muito diferente do de ‘Empty’.

Mino: Eu me tornei um cantor completamente diferente, como membro do WINNER, para fazer hip-hop. Para ‘I’m Him’, eu fiquei duro durante todo o MV. Embora eu tentei o meu melhor para parecer firme no MV, em vez de se gabar sobre o meu trabalho, eu pensava tipo “Ele saiu bom” ou “A edição foi bem feita”.

Q: Então, houve um momento em que você pensou: “Somos de fato uma equipe” enquanto se preparava para o stage da música de debut?

Mino: Basicamente, Seunghoon assume a responsabilidade pela coreografia, assim nós confiamos nele e seguimos sua liderança. No entanto, fizemos ajustes para satisfazer opiniões de todos os membros, eles deram idéias para suas partes individuais aqui e ali. Aprendemos com os nossos tempos de trainee que se alguém não expressar seus pensamentos, ou simplesmente insistir em sua própria idéia, só irá causar problemas. Quando estávamos nos preparando para o stage de ‘Empty’, Seunghoon veio com as idéias e fez ajustes com os membros.

Q: Vocês não resolveram qualquer problema dentro da equipe após a estréia? Isso pode ser diferente do que na época como trainee…

Mino: É verdade, estou cansado de ver seus rostos todos os dias (risos) Eu estou só brincando. (Risos) Nós sempre pensamos que nós nos conhecíamos muito bem, mas eu acho que houve muitas coisas que aprendemos sobre o outro recentemente. Eu acho que é porque nós começamos as promoções oficiais juntos, como um grupo. Então, eu acho que é necessário ser mais atencioso com o outro e apoiar uns aos outros.

Q: Diante disso, qual o papel que você pensa em tomar?

Mino: Eu acho que eu estou no processo de aprender sobre isso. Eu nunca tive a chance de pensar nisso com detalhes, mas talvez eu seja a pessoa que ouve e apoia quem está tendo um momento difícil? Eu tenho tendência em prestar atenção a esses tipos de situação.

Q: Ao pensar nisso, você consegue encontrar uma parte desconhecida de si mesmo?

Mino: Eu acho que eu encontro os lados positivos, mas eu percebo mais sobre os lados negativos. Eu costumo agir no improviso, a não ser quando estou fazendo atividades ligadas à música. No entanto, houve momentos em que eu me tornei muito sensível/frio enquanto estávamos passando por uma agenda lotada. Por estar tentando manter o pensamento positivo e energizado sempre, pois estávamos todos cansados, eu imitava vozes e outras coisas, sempre que estou no limite, eu sentia como se tivesse um estranho dentro de mim.

Q: Como você se recupera desse mau estado?

Mino: Taehyun disse uma vez que ele está com ciúmes da minha personalidade, porque sou cheio de energia com quem eu me encontro, onde quer que eu vá. Embora, ele também mencionou como eu sou um pouco brilhante demais, quando não é necessário que seja assim. (Risos) No entanto, há momentos em que eu estou me sentindo para baixo. Eu tento o meu melhor para sair de tal estado de espírito, quando estou em público. Eu sei que a desmotivação, não só me arrasta, mas também os membros. Então eu acabo brincando e falando bobagem. De qualquer forma, eu acho que sou uma pessoa positiva. (risos)

Q: Você tenta ser engraçado na frente dos membros do WINNER, BIGBANG e 2NE1, mas parece que nem sempre tem um sucesso 100% com isso. (Risos) Há algum membro que você está com ciúmes por seu “talento de brincar”?

Mino: Acho que Jinwoo hyung é natural. Eu tendo a pensar muito antes de dizer piadas (eu penso até mesmo sobre o momento certo), mas acabam surgindo risos desajeitados. Mas quando Jinwoo diz algo ao acaso, as pessoas começam a rir em voz alta. Acho que o meu aegyo é melhor (risos), porque sempre que estou fazendo aegyo, Seungyoon normalmente faz junto, Taehyun e Jinwoo riem como se não há nada mais engraçado do que aquilo, e Seunghoon me cumprimenta. Vou continuar a trabalhar nisso.

Q: Você está em um ponto de partida como um membro do WINNER e como Song Minho. Qual seria o seu objetivo final, se você tem algum?

Mino: Conquistar o mundo. A assinatura de um contrato com a NASA. Caminhar através da galáxia (?) (Risos) Pode parecer que estou brincando, mas eu tenho tendência de surrealismo, quando se trata de desenho, porque tem um encanto, uma possibilidade de criar coisas novas. Metas irrealistas podem soar estranhas, mas elas sempre me ajudam a manter a cabeça erguida. Eu acho que definir metas altas/sonhar grande pode ser necessário para as pessoas como nós, que está em um ponto de partida de saltar em espetáculos musicais, concertos, etc.

taehyun

Entrevista de Taehyun:

Q: Sua voz parece um pouco travada hoje.

Taehyun: Quando as estações mudam, meus nasais se inflamam facilmente. Além de inflamação nasal, também tenho saudades de casa com frequência. Eu acho que é porque há uma fragrância especial quando as estações mudam. Lembro-me dos momentos em que eu senti o cheiro dessa fragrância e eu fico muito emocional. Quando eu me emociono, fico imerso a essas emoções, e nos dias de hoje, penso no passado muito.

Q: Você pensa no tempo antes do debut?

Taehyun: Sim. Eu penso muito no meu passado, mas isso não significa que eu estou insatisfeito com minha vida atual. No entanto, recentemente, quando eu vi um ônibus passando, eu pensei sobre isso. Esses dias eu vivo uma vida onde nós entramos em carros com o manager e somos transportados para todos lugares. Às vezes penso: “Ah, antes eu pegava aquele determinado ônibus, e depois pegava outro.”. Estou muito vulnerável a essas memórias. Pode ser porque eu costumo pensar muito em mim.

Q. Além da música, você se expressa através da arte. Você faz isso quando você está emocional?

Taehyun: Sim. Para ser honesto, eu me sinto mais livre quando estou segurando um pincel do que quando eu estou fazendo música. Quando faço música, eu sempre sinto responsabilidade e o ônus para uma extensão. Eu libero o estresse pintando. Porque eu posso desenhar sem ficar pensando nisso e posso controlar o que eu quero fazer.

Q: As pessoas parecem te chamar de “maknae perigoso”, que tem muitos pensamentos e um estilo reservado. (Risos) O que você acha do que as pessoas ao seu redor dizem?

Taehyun: Seria bom se eles pudessem pensar em mim como um maknae para antecipar (criar expectativas), do que um maknae perigoso. Eu também conto com os hyungs, muito. As pessoas que me encontram pela primeira vez podem pensar que eu sou difícil, pois minha personalidade oscila muito. Mas o lado brilhante, e estilo dos membros, me fez mais suave e é divertido quando estamos juntos. Eles são hyungs que eu realmente preciso.

Q: Você viveu com os membros desde quando vocês eram trainees, mas você descobriu alguma coisa nova sobre os membros neste um mês de debut?

Taehyun: Quando os membros ficam desapontados com si mesmos, eles ficam realmente deprimidos. Então eu percebi que temos que nos igualar muito. A razão pela qual eu estava feliz com “talk show” do NAVER Starcast é porque pensei que era realmente bom. Os membros deram realmente boas reações e eu podia sentir que o nosso trabalho em equipe melhorou. Além disso, depois de ver SeungHoon coreografar “Empty”, fiquei muito satisfeito. Cada membro da WINNER têm características fortes, mas em vez de tentar fazer as coisas para se mostrar, eu acho que nós somos um grupo com olhar melhor quando nos expressamos com movimentos controlados. Eu acho que a coreografia de “Empty” expressa esse sentimento muito bem. Eu também gosto de como a coreografia expressa com movimentos detalhados, das pontas dos nossos dedos. Nossa fé, confiança, e confiança um no outro estão crescendo por tudo isso. Damos-lhe a quantidade certa de confiança na força um do outro e se eles trazem bons resultados, a confiança cresce, e tentamos aprender mais uns com os outros. Quando você pensa sobre isso, o WINNER é um time democrático. (risos)

Q: Fãs pensam em você como um gato ou um maknae que não fala. Parece que você observa os membros bastante.

Taehyun: Esses dias, eu sinto que tenho o potencial para ser uma MC (risos). Pessoas da empresa disseram que eu tinha ido bem. Além disso, meu mundo já é muito forte, e minhas emoções variam muito, mas recentemente eu encontrei uma maneira de me recuperar rapidamente quando estou pra baixo. Eu tenho dificuldade em expor meus sentimentos e eu sou muito tímido, mas recentemente eu tenho expressado sentimentos mais vezes.

P. O que você acha de sua aparência mudada?

Taehyun: É interessante. Para ser honesto, quando eu era estudante, eu pensava que eu era muito maduro. Eu realmente pensei que minha mente era diferente dos garotos da minha idade. Conforme me tornei um adulto e entrei YG, eu percebi que eu sou muito mais jovem do que as pessoas da minha idade. Há um monte de coisa que eu não sei e há um monte de gente que eu não conheço. Depois de entrar na YG e no Winner, minha perspectiva mudou.

Q: O time parece precioso para você, como você quer proteger o seu próprio mundo e seu trabalho em equipe?

Taehyun: Me deparei com esta declaração de uma vez: “Se você quiser ir rápido, vá sozinho. Se você quiser ir longe, vá junto.” Eu concordo muito com isso. Eu penso se eu seria capaz de ter esses bons tempos sem os membros, a equipe se tornou realmente importante para mim. Porque eu quero ir muito longe no futuro, eu vou lembrar desta frase sempre.

Q: Até onde você quer ir no futuro?

Taehyun: Eu não tenho certeza. Eu sou grato por ganhar Nº1 em vários programas de música e receber uma boa resposta no Japão, mas isso não é significativo. Isso parece ser apenas a luz de um pavio de dinamite. Não muito tempo atrás, T.O.P hyung se sentou conosco e disse-nos para não perder a tensão. Espero que as coisas que fizermos, no futuro, sejam ainda maiores do que o que estamos fazendo agora. E eu serei feliz se as pessoas puderem pensar: “Ah, essas crianças estão em um bom começo”.

Q: Como uma equipe, há um objetivo final que você quer alcançar?

Taehyun: Eu gosto muito de Beatles. Eles possuíam uma geração e deixaram sua marca na história. Quero que o WINNER seja uma equipe assim. Não apenas uma equipe que é popular e com bom aspecto, eu quero que as pessoas digam “A música do WINNER é realmente boa. WINNER são verdadeiros artistas”. Quero que as pessoas tenham esses pensamentos.

jinwoo ize

Entrevista de Jinwoo:

P: Você tinha muito interesse no photoshoot de hoje. Você monitora as fotos muito de perto durante as filmagens.

Jinwoo: Ontem, depois de estar na internet com transmissão ao vivo, havia muitos horários.. e eu não conseguia dormir muito. Por causa disso, eu estava preocupado com as fotos e eu queria tirar fotos até que estivesse perfeito.

Q. Com a promoção no Japão e na Coreia, você deve ter ficado feliz em atender os fãs através desta oportunidade, em vez de apenas concertos.

Jinwoo: Foi realmente fascinante como eles responderam através da transmissão ao vivo.(Risos) Normalmente, eu não olho para as reações na internet. Eu notei que a quantidade de pessoas esperando por nós no aeroporto estava aumentando e que nós, por vezes, éramos tendência em rankings de busca! Através destas pequenas coisas, sinto que estamos recebendo um monte de amor.

Q. Você deve estar cansado por conta de sua agenda apertada, depois de estrear.

Jinwoo: Por causa disso, os membros tentam diminuir a tensão ocasionalmente. Como um presente, Mino é um humor-maker e ele é muito bom nisso. Eu não tento ser engraçado, mas depois de dizer algumas palavras, os membros acabam rindo muito… por isso é fascinante (risos). Mesmo que isso não funcione, eu tento cuidar dos membros. Desde que há uma diferença de idade entre mim e os membros, se eu fosse assustador, teria sido difícil para os membros se aproximarem de mim, mas desde que eu sou um hyung confortável, eu acho que nós tivemos um bom caminho. As crianças muitas vezes fazem piadas e pregam peças, irritantemente, mas eu gosto de tudo isso. SeungHoon, especialmente, desempenha um monte dessas piadas/brincadeiras por isso é muito engraçado.

P. Você se tornou menos nervoso/tenso depois de estrear?

Jinwoo: Em uma situação difícil, eu comecei a pensar mais livremente. No passado, quando um trainee desistiu, eu chorei muito. Mas depois que um saiu, um novo membro entrou e depois que este processo foi se repetindo, eu não chorei mais. “Oh, eles simplesmente abandonaram de novo.” É como isso acontecia (risos). Estou começando a ser mais acostumado (menos nervoso/tenso) com isso agora.

Q. Podemos sentir que você fica confortável, enquanto você está no palco e em situações sérias.

Jinwoo: Eu sou o tipo de pessoa que fica muito nervosa, então eu pensei sobre como aliviar isso. Antes de entrar no palco, não importava o método que eu testei, eu ainda ficava nervoso. Mas, depois de ficar no palco na Dome Tour do Big Bang e no AON do 2NE1, eu percebi isso: Depois que eu canto e danço no palco, meu nervosismo desaparece. Depois disso, eu tive menos pressão.

Q. Você ganha confiança através dos avanços, como sua música tendo vitórias e 2º lugar no Oricon?

Jinwoo: Quanto a coisas assim, eu ainda estou com muito medo. Assim que estreamos, alcançamos a posição #1 em shows de música e paradas musicais muito rapidamente, mas nós continuamos rookies. Nossas apresentações são boas, mas eu não sei o que dizer. A próxima vez que voltarmos, eu me pergunto se ainda teremos esta resposta. A resposta final a isso é algo que não pode ser respondida por qualquer um. Por isso, eu fico nervoso.

P. Como você se livra dessa ansiedade?

Jinwoo: Eu não falo com ninguém e fico no meu quarto, sozinho. Porque isso me deixa deprimido. Por causa de coisas assim, eu sinto muito pelos membros. Normalmente, eu sou um hyung com um grande coração (risos), mas eu me torno sensível por causa de pequenas coisas assim, houve momentos em que eu fiquei bravo com coisas que não eram importantes. Quando eu era um trainee, eu era assim também, mas eu começo a ficar assim sem ao menos notar.

Q: Será que é porque você é rigoroso consigo mesmo?

Jinwoo: Sim. Quando eu não consigo mostrar o que eu quero de forma bem feita, fico estressado. Você pode me chamar de um perfeccionista, mas eu não acho que isso seja uma coisa boa.

P. Como você e sua equipe querem fazer um monte de coisas (no futuro), se você tivesse que dizer qual é o objetivo final, o que seria isso?

Jinwoo: Em primeiro lugar, já que somos bebês, há um monte de coisas que queremos fazer. Entre essas coisas, a única coisa que queremos mais é que quando as pessoas disserem “WINNER”, elas nos imaginem. Queremos criar uma estilo único. Não só na Coréia, mas queremos criar uma música que se estenderá em todo o mundo. É um grande sonho, mas os sonhos podem se tornar realidade.

P. Você tem qualquer frase de elogio a si mesmo, como alguém que correu sem descanso?

Jinwoo: Primeiro, eu sou grato por ter sobrevivido até o final. Eu sou grato por não dormir muito. Pois eu era capaz de praticar muito por causa disso. Por último, tenho 24, mas eu sou grato por não estar ficando muito velho (risos) Eu sou muito grato por isso.

yoon ize

Entrevista de SeungYoon-

Q: No talkshow, Naver STarcast, você tende a ser uma pessoa que acrescenta comentários em vez de ser a pessoa que lidera a conversa.

Seungyoon: Eu acho que eu nasci com essa personalidade em primeiro lugar. Eu sou o tipo de pessoa que se adianta em todos os lugares, então eu estou desfrutando pular conversas. (risos) Claro, há momentos em que eu digo coisas para o próprio bem dos membros. Fomos sendo entrevistados e fazendo aparições na TV, mas acho que está faltando algo em alguns aspectos. Desde que eu sou tecnicamente um pouco mais experiente do que outros membros nessa industria, eu tento reformular o que os membros dizem quando eu sinto que há uma possibilidade do nosso público entender as nossas palavras de forma diferente ou negativamente do que se pretendia.

Q: Enquanto você estava passando por esses eventos, você já desejou fazer mais aparições na TV coreana?

Seungyoon: Seria fantástico se pudermos ter mais chances de se encontrar com nossos fãs. Recentemente, estamos tendo menos chances se comunicar com os nossos fãs por estarmos passando por horários difíceis depois de estrear na Coréia e no Japão simultaneamente. A turnê no Japão foi programada antes de estreia oficial e nossos horários no exterior estão apertados. Às vezes penso que seria bom descansar um pouco, quando voltamos para a Coréia, mas nós tentaremos nosso melhor para pegar conseguir número de oportunidades possíveis para fazer aparições públicas, enquanto estamos aqui. É por isso que tentamos fazer várias coisas, tais como eventos fansign ou de programas de rádio.

Q: Que tipo de programas que você quer estar?

Seungyoon: Shows de variedades com certeza. Mas eu acho que, pelo menos, dois membros deveriam aparecem juntos. Mino e Seunghoon juntos seria bom, ou Seunghoon com Jinwoo seria engraçado. O personagem de Jinwoo é tão engraçado. Eu sei que ele não tenta ser engraçado de propósito, mas a sua inocência é tão engraçada. Seunghoon disse uma vez que se Seunghoon e Mino são os que continuamente perturbam Jinwoo, Jinwoo é aquele que se livra deles com um soco.

Q: Parece que vocês tentam fazer cenas engraçadas um com os outros sem parar.

Seungyoon: Desde que nós não passamos muito tempo juntos com BIGBANG sunbae, nós tentaremos nosso melhor para fazer memórias sempre que tivermos uma chance. Eu percebi como é confortável perguntar: “Você tem alguma história para compartilhar enquanto você era trainee?” Ou “O que aconteceu enquanto você estava fora cumprindo os eventos agendados no exterior?” E nós não temos muito. Nós só tínhamos tempo para praticar em conjunto, quando éramos trainees e nós apenas fomos para eventos programados enquanto ficamos nos exterior. Porque nós não temos muito tempo livre para fazer lembranças especiais, nós sempre tentamos passar bons momentos juntos entre nós. Por exemplo, Mino começaria fazer aegyo então Seunghoon acrescentaria, criando cenas engraçadas.

Q: Além de desfrutarem a companhia dos outros, não existe momentos em que você tem que falar com cada um a sério?

Seungyoon: Ocasionalmente, falamos como um grupo para feedbacks do grupo sobre cada um de nós e a forma de melhorar a nós mesmos como WINNER. Para mim, eu me sinto mais confortável agora do que como eu sentia quando me tornei um líder no WIN. Naquela época, eu tive que assumir um papel como uma pessoa que era mais experiente para apoiá-los, mas não mais, porque os membros sabem como as coisas funcionam nesta indústria agora. Além disso, eu me sinto menos sobrecarregado por não ser o membro mais velho, embora eu sou o líder. Jinwoo hyung e Seunghoon hyung cuidam das coisas dia a dia e etc, eu não tenho que prestar atenção a isso. Graças a eles, eu era capaz de pensar sobre o que eu posso contribuir com esse grupo como um líder: apenas tentando o meu melhor em cantar e outras coisas. Eu acho que esse é o meu papel.

Q: Os membros foram capazes de crescer como um grupo e individualmente trabalhando neste álbum?

Seungyoon: Acho que sim, em alguns aspectos. Funcionários de nossa empresa tentaram nos ajudar no início. No entanto, como nós trabalhamos nele, eles disseram como seria necessário ficarmos mais envolvidos, porque o álbum foi perdendo o nosso próprio estilo. Nosso CEO também disse: “Há algum sons que vocês fizeram?”, Quando ele costumava dizer: “Tente gravar esta canção”. Tal progresso nos permitiu “ver” como nós estávamos nos preparando para o nossa própria estréia. Nós estávamos preocupados com a possibilidade de soar muito parecido com amadores quando fossemos competir contra os profissionais, mas estou feliz apenas pelo fato de que nós fizemos isso. Também somos gratos por equipes e YG porque eles foram os que acreditaram e nos aceitaram.

Q: Talvez seja mais parecido com vocês porque foram capaz de realizar tanto dentro de um curto período.

Seungyoon: Mas quando olhamos para nossas realizações, como número dois na parada Oricon ou número um nos charts, pensamos menos sobre o fato de que conseguimos algo, mas sobre como devemos ser gratos às pessoas que acreditaram em nós e nos apoiaram. Na minha opinião, cada membro pensa assim, fomos capazes de não perder modestamente ou afrouxar, mas nos tornamos mais humildes. Claro, ainda não caiu a ficha de tudo o que está acontecendo com a gente esses dias. Talvez possamos perceber que fizemos bem, se recebermos algum prêmio no final do ano ou cantar em um show lotado.

Q: Comparando com atualmente e o pre-debut, o que você acha que mudou?

Seungyoon: Eu sou muito conservador e tenho força de vontade. Eu costumava não cooperar, se eu acreditava que a razão era minha. Mas depois de passar por várias situações diferentes, passei a ouvir conselhos dos membros. Eu pensei sobre como eu não posso sempre ter a razão. Com a minha mais ampla “margem de tolerância”, eu aprendi que há momentos em que eu não deveria intervir. Talvez eu esteja mais amadurecido agora? (risos)

Q: Você não acha que você cresceu/amadureceu muito rápido?

Seungyoon: eu amadureci em alguns aspectos, mas em outros não tanto. Houve momentos em que os hyungs me repreenderam por ter sido rude ou mal comportado. No entanto, eu acho que eu definitivamente não poderia deixar de mudar meu comportamento na vida social ou experiências relacionadas ao trabalho. Sei que quando eu me encontro com amigos de infância ou pessoas da minha idade eles estão estressados por conta de algo, ou apenas passando por momentos simplesmente bonitos. Então me pergunto: “Eu sou realmente um jovem ocupado?”

Q: Você não está com medo disso?

Seungyoon: Não, eu não estou. Tenho mais medo de não ter a capacidade de fazer qualquer coisa.

seunghoon
Entrevista de SeungHoon-

Q: No MV Color Ring, a cena que você cai dentro da água é impressionante. Não foi assustador?

LSH: Foi muito assustador. Depois que a gravação acabou, teve um momento em que eu chorei. No início meu coração estava palpitando. Desde que a água tinha 5 metros de profundidade, mais eu caía na água, mais se tornava difícil. Por causa da pressão da água, meus ouvidos estavam doendo muito, engasguei por causa da água e também me faltou oxigênio. Sofrer sozinho de manhã foi solitário.

Q: Por outro lado, parece que você não tem nenhum medo sobre aparecer na TV/rádio. Durante o Naver Starcast, pareceu que você era um MC.

LSH: Eles me deram um roteiro com bastante detalhes. No entanto, nos momentos que eu não olhava o roteiro e apenas falava foi mais natural e nossos charmes saíram mais. A sensação quando os 5 integrantes riam e conversavam juntos foi normalmente retratado. Quando eu lia o roteiro, parecia um pouco forçado. Eu me perguntava “O que estou dizendo agora?” Eu não sentia que era hábil na área de ser um apresentador. Eu me sentia um bebê na floresta. Como nós estávamos juntos não pareceu tão estranho, mas se nós estivéssemos com outras pessoas, eu não acho que teria conseguido fazer. Eu sou muito tímido.

Q: Você resumiu e organizou as situações muito bem com seus comentários. Você é esse tipo de pessoa?

LSH: Eu sou o responsável pela organização no grupo. Depois que comemos juntos, costumo ir limpar (risadas). Na verdade, desde que eu sou responsável da coreografia e das performances, costumo sempre observar os integrantes. Durante os ensaios, eu comecei a observar como eles fazem os movimentos e analisar o quadro geral do grupo. Os integrantes brincam me chamando de ACE (o excelente/o melhor) do grupo, mas em todo time cada um tem sua especialidade. Comparado a outras pessoas, eu faço algumas coisas melhor e desde há coisas que eu sei mais, eu lidero nesses aspectos. Para ser mais direto, os integrantes demoram a escolher o que vão comer, então eu escolho de um jeito organizado. Algo como “Vai ser apenas correto se pedirmos dois daquele e três desse”.

Q: Nós ouvimos que sua especialidade também é na moda.

LSH: Eu penso, “Eu vou vestir algo simples, mas não deixar ser chato”. Quando eu olho para todo o estilo e percebo que está simples, eu gosto de fazer pontos para a roupa com acessórios, um chapéu ou um par de sapatos. Se eu fosse responsável pelas roupas do grupo, eu gostaria que eles tentassem usar roupas com temas extremamente escandalosos e fofos como máscaras, roupas de plástico ou malha. Embora, eu ficaria triste por eles.

Q: Quando você monta a coreografia, o que enfatiza?

LSH: Eu não sou o tipo que dança com muito poder ou esforço. Quando eu termino de dançar eu não tenho uma gota de suor, mas eu gosto de danças que fazem você dizer “wow, isso foi legal”. Ao invés de dança sincronizada, eu gosto de dançar o que é confortável para olhar, mas que não seja entediante e algo que você possa se lembrar. Eu fiz a coreografia de Empty pensando que não deveria ser tão difícil. Tem grupos que escolhem pegar tanto a dança quanto o canto, mas mesmo que não escolhamos a dança, iremos trabalhar apelando mais na canção. Eu, principalmente, fico preocupado “Como posso fazer essa parte mais confortável para os integrantes poderem cantar mais confortavelmente?”

Q: Desde que você era muito jovem, você dançou e sonhou em entrar nessa empresa. Como é agora que o seu sonho se tornou realidade?

LSH: Ficar no palco com o Big Bang é muito desconcertante e estranho. Desde quando eu era jovem eles eram meus ídolos, mas o fato que eles agora são meus colegas não faz sentindo pra mim. Eu continuo a considerar a existência do Big Bang como ídolos na minha mente. Eu quero me tornar próximo deles. Mas ao invés de me aproximar deles pessoalmente, quero deixá-los em meu coração preciosamente. Eu sinto que nosso grupo e Big Bang não são afiliados. Se Big Bang é uma grande corporação, WINNER é uma empresa pequena.

Q: Por causa disso, é muito importante o que vocês fazem daqui pra frente.

LSH: Por sermos cantores, nós queremos receber, musicalmente, amor como Big Bang. Fora isso, queremos aparecer em programas de variedades, aparecer na TV o mais que pudermos. Nós também queremos encontrar nossos fãs que amam e apoiam a gente tanto quanto possível. Coisas como estas me faz muito feliz. Quando vejo os fãs, toda minha exaustão desaparece. Como Big Bang, quero que nosso nome seja conhecido pelo mundo, mas ao invés de ver isso como objetivo, eu acho que vai vir naturalmente como resultado de trabalho duro. Agora, eu acho importante trabalharmos bastante onde estamos agora.

Q: Vendo que vocês ficaram em 2º lugar na Oricon, parece que vocês estão um tanto popular no exterior.

LSH: Honestamente, não parece ser real. Como nossa agenda é lotada todos os dias, nós não temos tempo para nos sentirmos “Ah, nós nos tornamos famosos”. E amanhã tem outra agenda lotada, tem uma entrevista e uma sessão de fotos, então eu estou feliz e meu coração vibra todos os dias olhando para essas atividades. Talvez eu sinta a realidade da situação se minha mãe vier me visitar em um Benz ou se eu for à minha casa em Busan e ver que minha família mudou para uma casa melhor. (risadas)

Q: Depois de debutar e se apresentar, o que mais mudou em você?

LSH: No começo, nós não aceitamos o estilo dos outros e todos tentaram mudar para o seu próprio estilo. Cada um de nós pensou que cada um com seu estilo era o certo. Depois da experiência de estar em um time, eu percebi que o estilo de cada um é apenas diferente e não errado. Percebi que nós tivemos que reconhecer o estilo de cada um, o estilo de vida também, e apenas respeitar uns aos outros. Graças a isso, eu acho que nós começamos a viver em paz. Se nós não invadirmos o espaço do outro, ficamos confortáveis, e não há razão para começar uma briga.

Q: Parece que você se tornou um pacificador. (risadas)

LSH: Meu lema de vida é “Viver feliz”. Se existe uma situação que me deixa estressado, eu sou do tipo que esquece o estresse dormindo profundamente. Meu humor também depois de comer alguma comida deliciosa. Gosto de procurar bons lugares para comer. Há momentos que eu sou curado pelo meu cão de estimação, Lee Hee. Durante o inverno, quando eu ligo o tapete aquecido e abraço Lee Hee, eu durmo bem porque me sinto aquecido. (risadas)

winner ize winner seção namsongwoo


Source: with_winner / vitamino
Trad por: winnerbrazil

[fbcomments url="http://winnerbrazil.com/entrevistas/entrevista-para-revista-ize-winner-expoe-seus-sentimentos-em-entrevista-individual/" width="100%" count="off" num="5" countmsg="comentário (s)"]

One thought on “Entrevista para revista “IZE”: WINNER expõe seus sentimentos em entrevista individual.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *